The Devil's Thief Blog Tour - Entrevista com Lisa Maxwell

10 de out de 2018



Olá, pessoal! Hoje é a vez do Dicas de Malu no Blog Tour de The Devil’s Thief, a continuação de O último dos magos, da Lisa Maxwell, que foi lançado ontem (09 de outubro) nos Estados Unidos. Para minha alegria, tive a oportunidade de enviar para a autora algumas perguntas sobre o primeiro livro, as influências que ela teve em seu trabalho e o que esperar deste segundo volume.
Vocês poderão conferir a entrevista logo abaixo. Mantive as perguntas e respostas no idioma original também, pois esse post faz parte do tour de divulgação de The Devil’s Thief e, portanto, pode ter leitores estrangeiros. Espero que gostem de saber um pouco mais sobre a autora e os seus livros.

1 – Antes de se tornar uma escritora, os livros já eram uma parte importante da sua vida. Como você acha que isso influenciou a sua vida e o seu trabalho como escritora?
Before you became a writer, the books were already an important part of your life. How do you think it influenced your life and your work as a writer?

Lisa: Eu não acho que poderia ser a escritora que sou sem ter lido o tanto que li. Porque estudei literatura – e realmente, romances – por tanto tempo, eu tenho um tipo de senso intuitivo para a história e como ela pode ser construída. Mas os diferentes tipos de romances que eu li, eu acho, todos informam os livros que escrevo. Eles me dão muito mais para tirar, em termos de inspiração, do que seu eu só lesse um certo tipo de livro.
I don’t think I could be the writer I am without reading as much as I have. Because I studied literature—and really, novels—for so long, I have a kind of intuitive sense for story and how it can be built. But the different types of novels I’ve read, I think, all inform the books I write. They give me so much more to draw from, in terms of inspiration, than if I only read a certain type of book.

2 –  Em quais autores você se inspira?
Which authors inspire you?

Lisa: Oh! Tantos! Toni Morrison e Tim O’Brien são dois dos meus favoritos em termos de autores de alta literatura, mas eu amo o trabalho que os autores de YA estão fazendo – autores como Nova Ren Suma ou Laini Taylor, ou Maggie Stiefvater, escrevem tão lindamente. E eu sou constantemente inspirada pelo Nós Precisamos de Livros Diversos e escritores do #ownvoices, pessoas escrevendo livros incríveis como Gloria Chao, Jason Reynolds, Lamar Giles e Julie Dao.
Oh! So many! Toni Morrison and Tim O’Brien are two of my favorites in terms of the big-L Literary authors, but I love the work that a lot of YA authors are doing—writers like Nova Ren Suma or Laini Taylor, or Maggie Stiefvater write so beautifully. And I’m constantly inspired by the We Need Diverse Books and #ownvoices writers, people writing amazing books like Gloria Chao, Jason Reynolds, Lamar Giles, and Julie Dao.]

3 – Falando sobre “O Último dos Magos”, eu considero um dos livros de fantasia mais originais que já li em muito tempo. Como surgiu a ideia desta história?
Talking about ‘The Last Magician’, I consider it one of the most original fantasy books that I have read in a long time. How did the idea of this story come up?

Lisa: Muito obrigada! Estou muito feliz que você gostou!
Eu tinha a ideia de uma ladra que poderia ver em câmera lenta, por anos. No entanto, eu levei muitos falsos começos para descobrir qual era a história. Em um ponto, ela era uma ladra de mapa, em outro, ela era moderna e vivia em DC. Só quando assisti Newsies com meus filhos que eu considerei uma Nova York antiga... e isso se encaixou.
Thank you!! I’m so glad you liked it!
I’ve had the idea of a thief who could see in bullet time for years. It took me a lot of false starts to figure out what her story was, though. At one point she was a map thief, at another she was modern and lived in DC. It wasn’t until I watched Newsies with my kids that I considered Old New York…and it just fit.

4 – Uma grande parte dos livros é baseada na Nova York do passado e as descrições eram muito detalhadas, permitindo aos leitores realmente se imaginar naquele lugar. Eu suponho que isso tenha demandado muita pesquisa. Qual foi a parte mais desafiadora desse processo?
A huge part of the book is based in the New York of the past and the descriptions were very detailed, allowing the readers to really imagine themselves in that place. I suppose it demanded an extensive research. What was the most challenging part of this process?

Lisa: Eu adoro pesquisa, então, essa provavelmente foi a minha parte preferida de desenvolver o livro. Mas uma das partes mais desafiadoras foi simplesmente descobrir em qual ano o livro precisava se passar. Nova York muda tanto nos anos entre 1890-1905. Em uma questão de meses, a cidade foi de estar atada com milhões de fios telefônicos e elétricos para não ter nenhum. Então, garantir que eu tinha o ano certo para minha história e depois descobrir como a cidade seria naquele ano específico foi um desafio.
I happen to love research, so it was probably my favorite part of developing the book. But one of the most challenging parts was simply figuring out which year the book needed to happen in. New York changes so much in the span of the years between 1890-1905. In a matter of months, the city went from being laced with thousands of telephone and electric wires, to having none, for instance. So making sure I had the right year for my story and then figuring out exactly what the city would have been like in that specific year was a challenge.

5 – Um dos aspectos que eu mais gostei em “O último dos magos” foram os personagens. Mais do que carismáticos, eles eram todos muito complexos e tinham muito mais a mostrar do que parecia à primeira vista. Qual você acha que foi o mais difícil de escrever e qual foi o mais fácil?
One of the aspects I loved the most about “The last magician” is the characters. More than charismatic, they were all very complex and had more to show than they suggested at first glance. Which one was the most difficult to write, and which was the easiest?

Lisa: Viola foi a mais fácil. Eu cresci em uma família muito ítalo-americana, e tem muito de mim em Viola, então suas experiências e mentalidade foram muito naturais para eu escrever. O mais difícil foi Jianyu. Eu não sou chinesa e eu realmente quis fazê-lo mais do que só um estereótipo, então, garantir que eu o elaborei cuidadosamente usando leitores de sensibilidade e outros recursos foi essencial para mim.
Viola was the easiest. I grew up in a very Italian-American family, and there is a lot of me in Viola, so her experiences and mind-set were very natural for me to write. The most difficult was Jianyu. I’m not Chinese, and I really wanted to make him more than just a stereotype, so making sure that I crafted him carefully an using sensitivity readers and other resources was essential to me.

6 – Falando sobre Esta, especificamente, ela é uma personagem feminina incrível. Ela é forte e determinada, mas também tem muitas vulnerabilidades, como todos têm. O que você mais admira nesta personagem, e o que podemos esperar dela no próximo livro?
Talking about Esta, specifically, she is an amazing female character. She is strong and determined, but also have many vulnerabilities, as everyone does. What do you admire the most about this character, and what can we expect from her in the next book?

Lisa: Eu decidi escrever uma ladra bad-ass, e isso é exatamente o que ela é. Eu realmente admiro a lealdade dela. Muito do conflito dela no livro 1 é porque ela sente essa lealdade intensa para o povo dela e sua missão, e então coisas que ela descobre testam estas lealdades.
Você pode esperar muito da sua atitude decidida no livro 2, mas no final do livro 1, ela é uma garota que teve o tapete puxado debaixo dela. Ela tem muito sobre o que sentir raiva, e o livro 2 é muito sobre ela lidando com essa raiva e a sede que tem de vingança.
I set out to write a bad-ass girl thief, and that’s exactly what she is. I really admire her loyalty. So much of her conflict in book 1 is because she feels this intense loyalty to her people and to her mission, and then things that she finds out tests those loyalties.
You can expect more of her no-nonsense attitude in book 2, but by the end of Book 1, she is a girl who has had the rug pulled out from under her. She has a lot to be angry about, and Book 2 is very much about her dealing with that anger and the thirst she has for revenge.

7 – Quando você imagina os personagens, costuma pensar sobre atores que combinariam com eles? Se sim, quais atores você gostaria que interpretassem Esta e Harte.
When you imagine your characters, do you use to think about actors that would match them? If so, which actors would you imagine playing Esta and Harte?

Lisa: Uma jovem Lea Michelle para Esta e eu, sinceramente, não tenho certeza sobre Harte.
 A young Lea Michelle for Esta and I’m honestly not sure about Harte.

8 – Como eu perguntei sobre atores, eu preciso dizer que O último dos magos daria um ótimo filme. Tem alguma chance de vermos essa história no cinema no futuro?
As I asked about actors, I need to say that ‘The last magician’ would make an amazing movie. Is there any chance for us to see this story on the big screen in the future?

Lisa: Não no momento, mas você nunca sabe! Teve algum interesse aqui e ali, mas coisas de filmes demoram muito e o autor é basicamente o último a saber, pelo que eu sei. Honestamente, eu adoraria se alguém quisesse fazer uma mini-série, como na Netflix. Eu sinto que a história tem tantos ótimos personagens secundários, que eu odiaria cortá-los em um filme menor.
Not at the moment, but you never know! There’s been some interest here and there, but film stuff takes so long and the author is basically the last to know, from what I understand. Honestly, I’d love it if someone wanted to do a mini-series, like on Netflix. I feel like the story has so many great side characters, that I’d hate to have them cut out of a shorter film.

9 – O Segundo livro, The Devil’s Thief, acaba de ser lançado. O que os leitores podem esperar deste livro?
The second book, ‘The Devil’s Thief’, is coming out soon. What the readers can expect from this book?

Lisa: Muito mais de tudo – especialmente dos personagens secundários. Viola e Jianyu ganham mais da sua própria história nesse livro. E, claro, mais tensão romântica entre Harte e Esta ;)
A lot more of everything – especially the secondary characters. Viola and Jianyu get more of their own story in this one. And of course, more romantic tension between Harte and Esta ;)

10 – “O último dos magos” foi um sucesso entre leitores brasileiros e ganhou muitos fãs no país (inclusive eu). Você tem planos de vir ao Brasil algum dia?
‘The last magician' was a success between Brazilian readers and has gained many fans in the country (including me). Do you have any plans to come to Brazil someday?

Lisa: Nenhum plano, no momento, mas eu AMARIA. Eu tenho amigos da escola que moram no Brasil, também, e eu adoraria ver o país e visitá-lo com eles e com os fãs. Eu estou muito feliz que os leitores brasileiros tenham gostado do livro.
No plans at the moment, but I would LOVE to! We have friends from grad school that live in Brazil, too, and I’d love to see the country and visit with them and with fans. I’m so glad that Brazilian readers have enjoyed the book!

11 – E, finalmente, qual conselho você daria para seus leitores que sonham em se tornar escritores algum dia?
And, finally, what advice would you give to your readers who dream of becoming authors someday?

Lisa: Leia tudo, termine algo. É isso. Você tem que continuar lendo, assim aprende como escrever, e você precisa se levar a terminar algo. Isso, e desenvolver uma pele muito grossa :D
Read everything, finish something. That’s it. You have to keep reading, so you learn how to write, and you have to make yourself finish something. That, and grow a really thick skin. :D

E aí, gostaram da entrevista? Eu fiquei muito feliz com a oportunidade e grata pela atenção da Lisa ao responder às perguntas.
Once again, I want to thank Lisa for taking her time and answering those questions. I really loved reading “The Last Magician” and it made me very glad to be a part of The Devil’s Thief Blog Tour.

The Devil’s Thief Blog Tour começou no dia 17 de setembro e vai até o dia 12 de outubro. Vocês podem conferir mais informações e o link para os demais participantes aqui. E ainda dá tempo para concorrer a prêmios (termos e condições aqui):

Grand Prize for the Tour Participants:
Signed copy of The Devil's Thief
Pavé snake bracelet
Character art
Signed swag

Runners Up (2)
Character art
Signed swag pack


Cameron Whitman Photography
Sobre a autora: Lisa Maxwell é autora do livro Best-Selling do The New York Times, O Último dos Magos. O livro está sendo traduzido para 10 línguas e foi vendido em 11 países. Seus outros livros para Jovens Adultos incluem o premiado Unhooked, assim como os clamados pela crítica Sweet Unrest e Gathering Deep. Ela tem PhD em Inglês e é professora em uma universidade comunitária nos arredores de D.C. Ela bebe muito café e tem um ponto fraco por música alta e carros velozes. Quando ela não está ensinando ou escrevendo, você pode encontrá-la procurando bandas ao vivo ou indo em aventuras com seu marido e seus dois filhos.
Twitter: @LisaMaxwellYA
Instagram: @LisaMaxwell13
Website da autora: www.lisa-maxwell.com
Website da série (com LINKS DE COMPRA): www.thelastmagician.com

4 comentários:

  1. Nossa. Gratidão eterna por você ter postado essa entrevista maravilhosa. Obrigada mesmo. Pude tirar grandes dúvidas, principalmente a de querer escrever um livro futuramente. Farei como ela indicou, sempre aprender a escrever e terminar algo. Seguirei firme com essa meta. Obrigada, querida Malu!

    ResponderExcluir
  2. Oi Malu,

    Simplesmente amei a sua entrevista com a autora, ficou realmente fantástica, e me fez conhecer mais do trabalho dela e minha vontade de ler o primeiro livro apenas aumentou. Gosto do fato dela frisar o quanto a leitura é importante, pois muitas pessoas esquecem isto na hora que começam a escrever. Fiquei querendo saber como ela irá dar mais visibilidade para os personagens secundários. Suas perguntas foram maravilhosas, parabéns!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Gostei muito de conhecer a autora e sua obra aqui. A entrevista me deixou bastante curiosa em relação ao que ela escreve.
    Poxa! Parabéns pela entrevista e espero voltar aqui falando com mais propriedade . Bjs

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem? Meninaaa, que chique essa entrevista com essa autora linda! Meus parabéns! Já tinha visto o livro dela, mas ainda não tinha muita ideia sobre o que ele trata. Amei conhecer a autora um pouco melhor e fiquei louca para ler os livros dela!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir