Tag dos 50%: Um balanço do primeiro semestre

15 de jul. de 2021

 


Eu não sei o que aconteceu, mas eu pisquei e já entramos no segundo semestre do ano. Eu realmente não vi o tempo passar, mas o que importa é que concluímos a primeira metade do ano e chegou aquele momento aguardado de fazer um balanço especial das leituras feitas até aqui. E, para isso, nada melhor do que a famosa Tag dos 50%, não é mesmo?

Ela já virou uma tradição e eu amo responder. Mas já aviso que esse ano foi particularmente difícil porque não tive muitas leituras marcantes. O primeiro semestre foi bem morno para mim, e estou na expectativa que os próximos meses sejam melhores.

Mas, sem mais delongas, vamos às minhas respostas e saber um pouco sobre as minhas leituras da primeira metade do ano.

 

Melhor livro que você leu até agora, em 2021: Uma conjuração de luz, da V. E. Schwab. Eu esperei três anos para ler esse livro e a autora entregou absolutamente tudo que eu esperava. Já tem resenha dele aqui, então, só vou dizer que eu muito e ele superou todas as minhas expectativas.

 

A melhor continuação que você leu até agora, em 2021: Se o meu livro favorito foi Uma conjuração de luz, claro que ele foi a melhor continuação. Porém, para não repetir, escolhi Chain of Iron, da Cassandra Clare. Mais uma vez eu fui completamente fisgada pelo universo dos Caçadores de Sombras e esse segundo volume da série As últimas horas conseguiu ser ainda melhor do que o primeiro.

 

Lançamento do 1º semestre que ainda não leu, mas quer muito: Vocês podem ficar aí até amanhã? A minha lista de lançamentos que eu ainda não li é simplesmente gigante, mas escolhi citar A cidade dos fantasmas, da Victoria Schwab.

 

O livro mais aguardado do segundo semestre: Aqui também poderia citar uma lista enorme, mas vou ficar com Um céu além da tempestade, da Sabaa Tahir. Esse livro encerra a série Uma chama entre as cinzas e, ao mesmo que eu estou apavorada com a possibilidade de algum dos meus personagens favoritos morrer, estou muito ansiosa para ler. O meu já chegou e quero começar em breve (quem já leu, nada de spoiler nos comentários hein?).

 

O livro que mais te decepcionou esse ano, até aqui: O Clube do Livro dos Homens, fiquei extremamente frustrada com essa leitura. Todo mundo fala maravilhas desse livro, mas além de não ter visto absolutamente nada de inovador ou surpreendente, achei todas as personagens femininas péssimas, estereotipadas e mal desenvolvidas.

 

O livro que mais te surpreendeu esse ano, até aqui: Destruidor de mundos, da Victoria Aveyard. Depois da minha decepção com Tempestade de Guerra, eu não tinha a menor vontade de ler outros livros da autora. Porém, recebi esse lançamento da Companhia das Letras e resolvi dar uma chance. Resultado: eu não esperava nada dele, me vi amando a leitura e ansiosa pela continuação.

 

Novo autor favorito (lançou o 1º livro ou que você leu recentemente): sem dúvida, a Leigh Bardugo. Eu tive meu primeiro contato com a escrita dela no primeiro semestre com Sombra e Ossos e ela já entrou para minha lista de queridinhas. Já li quatro livros dela e estou com três aqui para ler.

 

A quedinha por um personagem mais recente: Darkling e Nikolai, da trilogia Grisha. Não me julguem, mas o Darkling é meu personagem favorito da trilogia e foi impossível não ter uma quedinha por ele. Já o Nikolai é o meu amor, que chegou garantindo um lugar cativo no meu coração.

 

Seu personagem favorito mais recente: Nina Riva, de Malibu Renasce. Ela talvez seja uma das personagens mais fortes e admiráveis da Taylor Jenkins Reid e eu não sei nem explicar o quanto meu coração doeu por ela em vários momentos da leitura. É uma personagem incrível e que merece ser enaltecida.

 

Um livro que te fez chorar esse semestre: não lembro de ter chorado mesmo com nenhum, o que é uma surpresa porque eu sou a maior chorona do universo. Mas me emocionei com dois livros que eu não esperava: "Amor e sorte", da Jenna Evans Welch e "Teseu: O passado sombrio do CEO”, da Sara Fidelis.

 

Melhor adaptação cinematográfica que você viu até agora, em 2021: Eu respondi essa tag no instagram primeiro e vocês acreditam que falei que não vi nenhuma adaptação esse ano? A louca né? Claro que assisti (foram 3 adaptações na verdade) e a melhor foi, sem dúvida, Sombra e Ossos na Netflix. Inclusive, tem post aqui sobre ela.

 

O livro mais bonito que você ganhou esse ano: A maldição do mar, que é um dos livros mais bonitos da minha estante. Tem post sobre ele aqui, onde falei sobre motivos para ler, e vocês podem ver o quanto ele é lindo.

 

Quais livros você quer ou precisa ler até o final do ano: Uma lista enorme e que tende ao infinito, mas minhas prioridades serão: Um céu além da tempestade, Duna, A quinta estação e Dance of Thieves.

 

E para vocês, qual o melhor livro que leram no primeiro semestre? Me contem aí nos comentários.


9 comentários:

  1. Hallo, Malu. Nossa, faz tanto tempo que não respondo essa tag rsrsrs
    certeza disparada que a decepção do ano foi Shirley Jackson, com A assombração na casa da colina. Foi uma experiência bem frustrante...
    Espero que vc consiga ler o que ta se propondo pra esse ano ainda.
    Tschuss..

    ResponderExcluir
  2. Oie
    Eu ouvi umas criticas bem negativas para "O clube dos livros dos homens ", estou com meus pés lá atras com esse livro. Sei que vou acabar lendo , mas o meu hype diminuiu bastante.

    Eu li "Amor e sorte " e achei uma leitura tão gostosa , confesso que agora não me recordo de nada que poderia me emocionar. Fiquei surpresa , mas não liga , eu sou coração de pedra mesmo

    Amei suas respostas

    Beijos

    https://mundinhoquaseperfeito.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Eu também não percebi o tempo passando... em 2021 li muitos livros bons, será difícil escolher um, viu... Estou curiosacom Uma conjuração de luz... acho que nenhum livro me faz chorar este ano.

    ResponderExcluir
  4. Oi Malu!

    Nossa eu tive essa mesma sensação, de que eu nem vivi tudo que deveria e do nada já tá quase no meu aniversário, meu deus. Eu tive alguns favoritos nesse semestre, mas o melhor de todos com toda certeza foi É Assim que se perde a guerra do tempo, esse livro é perfeito!
    E sim a Nina Riva é perfeita, eu chorei demais lendo Malibu Renasce!
    Adorei suas respostas!!

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem ?
    Sombra e Ossos é sem dúvida a melhor adaptação do ano, ficou incrível.
    Adorei a TAG e conhecer um pouco mais sobre o que leu este ano. Uma Conjuração de Luz, me deixou curiosa.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi Malu!
    O tempo está passando tão rápido não cheguei nem na metade dos livros que gostaria de ter lido até esse momento, estou frustrada por conta disso é uma sensação de fracasso, pois não vou conseguir chegar a minha meta até ao final do ano, mas enfim...
    Não li nenhum desses livros que citou mas estou com todos aqui para ler, que coisa não?! kkk. Tenho esperança que até meio do ano que vem leia todos kkk. Parabéns por suas leituras amei suas Tag, bjs!

    ResponderExcluir
  7. Oi Malu, tudo bem? Nossa, esse ano está passando tão rápido é difícil acreditar que já estamos quase em agosto. E um pouquinho mais é Natal e estamos montando árvore e dando presentes. No ano passado não li tanto quanto gostaria mas agora estou tentando me dedicar mais apesar da correria. Mesmo assim tiveram alguns livros que me marcaram bastante. Gostei de A seca, As sombras de outubro e Jardim das borboletas. Li alguns adolescentes para intercalar. Tenho gostado da experiência. Um abraço, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bom?
    Eu adoro essa tag e adorei suas respostas! Bacana Uma conjuração de luz ter valido a espera e ter entregado tudo ♥ Quero muito ler algo da autora!
    Poxa, uma pena que não curtiu O Clube do Livro dos Homens. Eu adorei tanto a leitura =/
    E Nina é realmente uma personagem fantástica!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Nossa seu balanço está recheado de coisas boas para ler, eu nem vou listar meus livros porque são tantos que só jesus na causa rsrs

    ResponderExcluir