Séries para começar em 2018

28 de jun de 2018



Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Há alguns dias, eu fiz um post aqui no blog com algumas séries/trilogias que eu pretendo dar continuidade ou terminar no segundo semestre. Porém, como toda leitora que ama uma série, também tenho uma lista enorme com as que eu quero começar em breve.
Pensando nisso, eu separei as principais séries/trilogias que eu quero começar ainda esse ano. Muitas dessas, eu tenho o primeiro volume há séculos e ainda não li. Uma vergonha, não é mesmo? Outras, eu conheci recentemente e estou muito curiosa para começar. Mas estou determinada a cumprir essa meta e ler, pelo menos, o livro inicial de todas essas séries.

As peças infernais, da Cassandra Clare
Eu amo os livros da Cassandra Clare, Os Instrumentos Mortais é uma das minhas séries favoritas da vida, mas eu ainda nem comecei a trilogia As Peças Infernais. Eu sei que isso é uma vergonha, ainda mais que venho falando que vou ler Anjo Mecânico desde o ano passado, mas agora é sério e faço questão de ler pelo menos esse primeiro volume ainda em 2018.
Sinopse de Anjo Mecânico: “Anjo mecânico, volume inaugural de As peças infernais, conta como os antepassados dos protagonistas de Instrumentos mortais se conheceram. E como existe muito mais mistérios entre eles do que se imagina. Através de Tessa Gray, uma jovem órfã de 16 anos, somos apresentados aos Caçadores das Sombras da Inglaterra vitoriana. Como seus representantes do século XXI, eles também combatem os elementos rebeldes do submundo — vampiros e lobisomens. E são eles que vão ajudar Tessa quando esta, ao sair de Nova York em busca do irmão, seu único parente vivo, é raptada pelas irmãs Black. Mas Tessa não é uma senhorinha indefesa. Dona do estranho poder de se transformar em qualquer um apenas tocando em algum pertence dessa pessoa, é um objeto valioso para o submundo. Ao lado do temperamental e misterioso Will e de seu melhor amigo James, cuja frágil beleza esconde um terrível segredo, Tessa vai aprender a usar seu poder e ganhar um lugar ao lado deles na batalha entre as trevas e a luz.” [Comprar: Amazon]

Cidade da Música, da Babi Dewet
Eu sou apaixonada pela trilogia Sábado à noite, da Babi Dewet, e tenho muita curiosidade de ler outros livros dela. Porém, ainda não li Sonata em punk rock, primeiro volume da trilogia Cidade da Música e que foi lançado ano passado. Então, quero corrigir isso em breve e, de preferência, ler este livro antes que o segundo seja publicado.
Sinopse de Sonata em Punk Rock: “Por que alguém escolheria uma orquestra se pode ter uma banda de rock? Essa sempre foi a dúvida de Valentina Gontcharov. Entre o trabalho como gerente do mercado do bairro e as tarefas de casa, o sonho de viver de música estava, aos poucos, ficando em segundo plano. Até que, ao descobrir que tem ouvido absoluto e ser aceita na Academia Margareth Vilela, o conservatório de música mais famoso do país, a garota tem a chance de seguir uma nova vida na conhecida Cidade da Música, o lugar capaz de realizar todos os seus sonhos. No conservatório, Tim, como prefere ser chamada, terá que superar seus medos e inseguranças e provar a si mesma do que é capaz, mesmo que isso signifique dominar o tão assustador piano e abraçar de vez o seu lado de musicista clássica. Só que, para dificultar ainda mais as coisas, o arrogante e talentoso Kim cruza seu caminho de uma forma que é impossível ignorar.” [Comprar: Amazon]

Mar de Tinta e Ouro, da Traci Chee
Fui conquistada por essa série logo que o primeiro livro foi lançado, no ano passado. Porém, o segundo já foi publicado pela Plataforma 21 e eu ainda não li A Leitora. Então, quero muito começar a série ainda esse e, quem sabe, já não leio a continuação junto?
Sinopse de A Leitora: “Era uma vez um mundo chamado Kelanna. Um lugar tão maravilhoso quanto terrível, onde ninguém sabia ler. Lá, as histórias não eram registradas em papel como esta que você está prestes a ler, elas eram simplesmente transmitidas de geração a geração. Em uma dessas lendas, falava-se de um objeto misterioso que guardava a maior magia que o povo de Kelanna já conheceu: o livro. Quem soubesse interpretá-lo teria acesso a um poder inimaginável. Após o assassinato de seu pai por uma organização misteriosa, a jovem Sefia recebe de herança um estranho objeto retangular, que pode ser a chave para desvendar seu passado. Para isso, ela precisará aprender a decifrá-lo para entender o que o torna tão valioso e se tornar uma leitora.  Magia e grandes perigos, como o terrível Flagelo do Leste e sua famosa frota de piratas, cruzarão seu caminho. Mas você se engana se acha que Sefia enfrentará tudo sozinha.  Percorra cada palavra e aproveite. A aventura está só começando.” [Comprar: Amazon]

Os Hathaways, da Lisa Kleypas
Esse ano, Lisa Kleypas tem figurado frequentemente nas minhas leituras, porém, eu ainda nem comecei a série mais famosa dela: Os Hathaways. Eu quero ler o primeiro em breve, mas, conhecendo a escrita da autora, eu já imagino que vou emendar as continuações e ler a série toda esse ano. Será que eu consigo?
Sinopse de Desejo à meia-noite: “Após sofrer uma decepção amorosa, Amelia Hathaway perdeu as esperanças de se casar. Desde a morte dos pais, ela se dedica exclusivamente a cuidar dos quatro irmãos – uma tarefa nada fácil, sobretudo porque Leo, o mais velho, anda desperdiçando dinheiro com mulheres, jogos e bebida. Certa noite, quando sai em busca de Leo pelos redutos boêmios de Londres, Amelia conhece Cam Rohan. Meio cigano, meio irlandês, Rohan é um homem difícil de se definir e, embora tenha ficado muito rico, nunca se acostumou com a vida na sociedade londrina. Apesar de não conseguirem esconder a imediata atração que sentem, Rohan e Amelia ficam aliviados com a perspectiva de nunca mais se encontrarem. Mas parece que o destino já traçou outros planos. Quando se muda com a família para a propriedade recém-herdada em Hampshire, Amelia acredita que esse pode ser o início de uma vida melhor para os Hathaways. Mas não faz ideia de quantas dificuldades estão a sua espera. E a maior delas é o reencontro com o sedutor Rohan, que parece determinado a ajudá-la a resolver seus problemas. Agora a independente Amelia se verá dividida entre o orgulho e seus sentimentos. Será que Rohan, um cigano que preza sua liberdade acima de tudo, estará disposto a abrir mão de suas raízes e se curvar à maior instituição de todos os tempos: o casamento?” [Comprar: Amazon]

Filha das Trevas, da Kiersten White
Outro livro que me conquistou pela capa logo que foi lançado, mas que ainda não li. Aliás, eu fiquei louca por esse livro antes mesmo de ele ser publicado no Brasil. Mas, apesar do lançamento dele ter me deixado muito empolgada, ainda não li esse primeiro livro e ele já tem até continuação. Espero conseguir ler os dois ainda esse ano.
Sinopse de Filha das Trevas: “Lada Dragwlya e o irmão mais novo, Radu, foram arrancados de seu lar em Valáquia e abandonados pelo pai – o famigerado Vlad Dracul – para crescer na corte otomana. Desde então, Lada aprendeu que a chave para a sobrevivência é não seguir as regras. E, com uma espada invisível ameaçando os irmãos a cada passo, eles são obrigados a agir como peças de um jogo: a mesma linhagem que os torna nobres também os torna alvo. Lada despreza os otomanos. Em silêncio, planeja o retorno a Valáquia para reclamar aquilo que é seu. Radu, por outro lado, quer apenas se sentir seguro, seja onde for. E quando eles conhecem Mehmed, o audacioso e solitário filho do sultão, Radu acredita ter encontrado uma amizade verdadeira – e Lada vislumbra alguém que, por fim, parece merecedor de sua devoção. Mas Mehmed é herdeiro do mesmo império contra o qual Lada jurou vingança – e que Radu tomou como lar. Juntos, Lada, Radu e Mehmed formam um tóxico e inebriante triângulo que tensiona ao limite os laços do amor e da lealdade.” [Comprar: Amazon]

A guerra que salvou a minha vida, da Kimberly Brubaker Bradley
Todo mundo me fala que esse livro é tão lindo quanto sua capa e eu tenho muita vontade de ler. Quando ele foi publicado, não sabia que se tratava de uma série, mas quero começar em breve e espero me encantar com essa história como tem acontecido com a maioria dos leitores que já leram.
Sinopse: “A Guerra que Salvou a Minha Vida é um daqueles romances que você lê com um nó no peito, sorrisos no rosto e – entre um parágrafo e outro – lagrimas nos olhos. Uma obra sobre as muitas batalhas que precisamos vencer para conquistar nosso lugar no mundo. Ada tem dez anos (ao menos é o que ela acha). A menina nunca saiu de casa, para não envergonhar a mãe na frente dos outros. Da janela, vê o irmão brincar, correr, pular – coisas que qualquer criança sabe fazer. Qualquer criança que não tenha nascido com um “pé torto” como o seu. Trancada num apartamento, Ada cuida da casa e do irmão sozinha, além de ter que escapar dos maus-tratos diários que sofre da mãe. Ainda bem que há uma guerra se aproximando. Os possíveis bombardeios de Hitler são a oportunidade perfeita para Ada e o caçula Jamie deixarem Londres e partirem para o interior, em busca de uma vida melhor.” [Comprar: Amazon]

As crônicas lunares, da Marissa Meyer
Sempre vejo muitas pessoas elogiando a escrita da Marissa; inclusive, ela é uma das autoras mais aguardadas da Bienal deste ano. Uma de suas séries mais famosas é, sem dúvida, As crônicas lunares. Porém, ainda não li nem o primeiro volume, Cinder. Algo que eu quero mudar ainda em 2018.
Sinopse: “Num mundo dividido entre humanos e ciborgues, Cinder é uma cidadã de segunda classe. Com um passado misterioso, esta princesa criada como gata borralheira vive humilhada pela sua madrasta e é considerada culpada pela doença de sua meia-irmã. Mas quando seu caminho se cruza com o do charmoso príncipe Kai, ela acaba se vendo no meio de uma batalha intergaláctica, e de um romance proibido, neste misto de conto de fadas com ficção distópica. Primeiro volume da série As Crônicas Lunares, Cinder une elementos clássicos e ação eletrizante, num universo futurístico primorosamente construído.” [Comprar: Amazon]

E vocês, já leram alguma dessas séries? Tem outra que vocês estão ansiosos para começar esse ano? Me contem nos comentários o que acharam da minha lista e quais séries vocês gostariam de começar em breve.
Para quem quiser comprar algum dos livros citados ou qualquer outro, vou deixar o link de compra na Amazon aqui. Comprando através dele, você ajudam o Dicas de Malu sem nenhum custo a mais nas suas compras.

17 comentários:

  1. OIiii,

    Por Tudo o que é mais sagradooo você PRECISAAAA ler As Peças Infernais, é ainda melhor do que Instrumentos Mortais, é simplesmente maravilhosooo <3
    Já li desejo a meia noite e adorei também, vai ser uma ótima leitura. Da sua lista que eu ainda não li e que tenho curiosidade de ler é Cinder, e espero poder conferir este ano.

    Beijinhos...
    http://www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Eu amo Cassandra Clare e tô mais que passada da adolescência rs
    Os outros livros que vc citou, alguns eu conheço e outros não como Filha das Trevas que me aguçou a curiosidade e o único ponto negativo é pq tem continuação ( evito séries o máximo que posso) rs
    Que vc consiga bater aí essa meta e nos traga as resenhas! Beijooos

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Oiii Malu

    Leia Cinder logo pelo amor de Deus!!! E saiba que essa série vai ficando melhor com cada livro, tenho certeza que vc vai gostar.
    As Peças infernais tb tenho super pendente desde o ano passado. Parei Os instrumentos mortais na terceira parte, faltam mais 3 livros e quero continuar juntamente com essa trilogia das Peças infernais e a outra da dama da meia noite 8que por sinal já estão por publicar o terceiro também).

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  5. Olá! Estou tentando fugir de livros que tem continuação, ou seja series e trilogias, o problema que costuma ser as minhas melhores leituras. Quando ler um não dá para ficar sem saber o final. Cassandra Clare, essa é uma autora que ainda quero ler todos os livros. Agora que descobrir que A guerra que salvou a minha vida é uma série, e olha que estava na minha lista de leitura em, realmente a capa dele é linda. Babi Dewet e Marissa Meyer me desperta curiosidade, mas por enquanto não o bastante. Filha das Trevas parece ser interessante, vou espera resenha em. Os Hathaways, li bastante resenha desse livro mais ainda não sei se vou ler um dia ele. Mar de Tinta e Ouro não conhecia, vou espera resenha também. Vou ficar na torcida para que consiga começar todas essas séries e gostem. Beijos'

    ResponderExcluir
  6. Oi Malu!

    Tudo bem? Meu Deus como eu amo TID (As Peças Infernais no Brasil!) tenho os livros em inglês e português, tamanha a minha loucura com essa série. Quero muito ler Os Hethaways e eu acho que tenho Cinder, mas não sei se quero ler. Adorei a lista

    Beijinhos - Jessie
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Das séries que você postou eu só li Os Hathaways da Lisa Kleypas e nem me lembro se completei ela. Não sabia que o da Babi faz parte de uma série, mas a trilogia dela Sábado a Noite é ótima e recomendo muito.
    Quero muito ler Cinder, A Guerra que salvou a minha vida e A Filha das Trevas. Vamos ver se eu consigo iniciar algumas delas este ano.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  8. Oi Malu, tudo bem?

    Eu sempre tento evitar ler séries longas e sempre termino lendo hehehehee inevitável! Das que vc citou eu li A guerra que salvou a minha vida e os dois livros publicados pela Darkside são maravilhosos. E Os Hathaways é um das minhas séries de romances de época preferida! Espero que vc goste também.

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  9. Sou suspeita para falar dos livros da Cassandra, mas adorei ver As peças infernais na sua lista! Nenhum dos outros eu li, mas vou dar uma pesquisada!

    ResponderExcluir
  10. Oi Malu!
    Amei o post!
    Das séries que citou, a única que li foi peças infernais da Cassandra... e o que tenho a te dizer?
    LEIA!!! rsrs
    Amo todos os livros da Cassandra, além de instrumentos mortais e peças infernais, também já li os dois volumes da serie os artifícios das trevas e estou #anciosérrima para que seja lançado o último volume (que tem previsão para 2019 aqui no Brasil :( )
    Beijinhos e boas leituras!

    ResponderExcluir
  11. Olá! Adorei conhecer a sua lista e dela, tenho vontade de ler duas séries, a dos Hathaways e As Crônicas Lunares. Espero poder conhecer mais deles por aqui e, caso goste, poder ler em breve também!
    Abraços

    ResponderExcluir
  12. Malu lindona, ótimas escolhas também preciso começar a ler o livro da Babi comprei faz tempo na Bienal e ainda não consegui sentar para ler, Lisa Kleypas você vai se apaixonar por cada livro, Cassandra Clare estou com o primeiro livro aqui e não li ainda, mas a Dica sempre é perfeita em suas séries. beijos

    Joyce
    Livros Encantos

    ResponderExcluir
  13. Oi, Malu!
    Você escolheu ótimas séries para ler neste ano! Já li algumas das que você citou (Peças Infernais é só amor <3) e estou bem ansiosa para ler o segundo volume de Cidade da Música da Babi (e conseguir meu autógrafo nele na Bienal para fazer parzinho com o primeiro volume haha) e As Crônicas Lunares eu preciso criar coragem e terminar de ler.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  14. Ai, nem me fale em séries para começar!kkkkkkkk... Eu tenho várias para terminar, muitas outras que desejo ler... E o tempo? Nenhum! Vida de leitora não é fácil.rsrs

    Das suas escolhidas eu quero muito ler: Os Hathaways e a da A guerra que salvou a minha vida. Estou louca por essas séries! A segunda é uma duologia, acho, mas não sei se a autora publicará mais livros. Fiquei apaixonada pelas resenhas que li.

    Agora a da Cassandra Clare estou em dúvida se quero ler ou não.rs Antigamente eu queria muito ler Os Instrumentos Mortais, mas hoje em dia perdi a vontade. Não sei se apostarei ou não em As Peças Infernais.

    Bjs!

    ResponderExcluir
  15. Eu também quero começar a serie da Lisa Kleypas e vou confessar que é por causa das capas divosas!!! Já li o primeiro livro da Guerra que salvou a minha vida e não vejo a hora de ler o segundo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Oi, Malu!
    Eu adorei sua seleção! Também tenho algumas séries que pretendo ainda concluir. Ainda não consegui terminar Instrumentos Mortais por isso ainda não dei inicio às Peças Infernais. Quero comprar aquele box lindão e ler por ele. Em breve concluo essa meta!

    Beijos,

    Rafa - Fascinada por Histórias

    ResponderExcluir
  17. Olá Malu, estou louca para começar Filha das Trevas e ansiosa para continuar "Guerra que Salvou a minha vida".. eu simplesmente amei a sua lista de séries e apesar de não conhecer alguns títulos, fiquei bem curiosa por eles *-*

    Beijos

    ResponderExcluir