[Páginas e Cenas] O que achei de "Sombra e Ossos"

 


Depois de muita expectativa, Sombra e Ossos está disponível na Netflix desde sexta-feira, dia 23. Lógico que eu já corri para assistir a série no final de semana e hoje vim contar para vocês o que achei. Podem ficar tranquilos, que vai ser só a minha opinião no geral, sem spoilers nem dos livros e nem dá série ok?

Assim como nos livros, em Sombra e Ossos vamos acompanhar a jornada de Alina Starkov, uma jovem órfã que trabalha como cartógrafa no exército real. Durante uma missão para atravessar a Dobra da Sombra, uma faixa de terra dominada pela escuridão e repleta de monstros, ela descobre um poder único: a habilidade de conjurar a luz. A partir daí, ela se torna a esperança do país e dos grisha, mas também um alvo para os inimigos de Ravka.

De um modo geral, eu achei a série foi uma adaptação muito bem feita. Eu senti que a essência do universo e dos personagens foi mantida e que tudo foi pensado para realmente transportar o espectador para aquele mundo criado pela Leigh Bardugo. Então, os cenários, os figurinos e a fotografia, além de lindos, foram totalmente coerentes com as descrições dos livros. Ficou tudo muito parecido com o que eu imaginava e eu adorei.

Com relação aos personagens, a Jessie Mei Li que interpreta a Alina é simplesmente perfeita para o papel e conseguiu me fazer gostar mais da personagem que no livro. Além disso, senti que também desenvolveram melhor o Maly (interpretado por Archie Renaux) e o deixaram pelo menos mais interessante do que na obra original. No entanto, o dono da série (e do meu coração) é o Ben Barnes como o Darking, que na série é conhecido como general Kirigan. Ele conseguiu trazer com perfeição a essência do personagem, e se mostra marcante e imponente em todas as cenas em que aparece.


Imagem de divulgação / David Appleby/Netflix


Mas a série não foca apenas nos personagens da trilogia Grisha. Há também a inclusão de personagens de Six of Crows, uma outra duologia da Leigh Bardugo dentro do mesmo universo. Essa inclusão foi interessante, pois são personagens muito carismáticos e que trouxeram mais dinamismo e humor para a história. Além disso, Freddy Carter, Amita Suman e Kit Young (que interpretam Kaz Brekker, Inej e Jesper, respectivamente) foram escolhas perfeitas, apresentando com muita facilidade os conflitos de seus personagens e fazendo com que eles se tornassem tão importantes para o espectador quanto os protagonistas da série.

Porém, essa adaptação também traz algumas mudanças em relação aos livros da trilogia Grisha. Além da inclusão de personagens de Six of Crows (que nos livros se passa a frente da trilogia Grisha), adiantaram algumas revelações de Sol e Tormenta e Ruína e Ascenção. Isso me incomodou um pouco porque tirou o impacto que essas reviravoltas teriam mais para frente.

Além disso, senti que essas mudanças, além de desnecessárias, tiraram espaço de outras questões importantes e deixaram alguns pontos mal explicados. Claro que isso pode ser corrigido em uma provável segunda temporada, mas gostaria que algumas coisas tivessem sido mais desenvolvidas agora. E não posso deixar de confessar que queria mais cenas do Darkling com a Alina.

No entanto, apesar dessas ressalvas, eu gostei muito da série como um todo. Ela é dinâmica, envolvente, com ótimas atuações e, principalmente, mantém a essência do universo incrível que a Leigh Bardugo criou. Eu que não sou muito de assistir séries fiquei completamente presa e não conseguia parar de assistir. Além disso, o final deixa um gancho excelente para a segunda temporada e estou confiante que teremos uma renovação. Netflix, nem pense em cancelar essa série hein?

Mas agora quero saber: vocês já assistiram Sombra e Ossos na Netflix? Me contem aí nos comentários o que acharam e o que mais gostaram (além do Ben Barnes, que é sim a melhor coisa da série e só minha opinião importa rsrs). E, para quem quiser conhecer o livro, tem resenha de Sombra e Ossos aqui




Título original: Shadow and Bones

Baseado nos livros de Leigh Bardugo

Temporada: 1ª

Criado por: Eric Heisserer

Direção: Mairzee Almas

Classificação: +14 anos

Elenco: Jessie Mei Li, Ben Barnes, Archie Renaux, Freddy Carter, Amita Suman, Kit Young

Onde assistir: Netflix





Apaixonada por literatura desde pequena, nunca consegui ficar muito tempo sem um livro na mão. Assim, o Dicas de Malu é o espaço onde compartilho um pouco desse meu amor pelo mundo literário.




Facebook

Busca

Instagram

Twitter

Editoras Parceiras

Seguidores

Arquivos

Newsletter

Populares

Tecnologia do Blogger.